5 coisas que você precisa saber antes de abrir uma empresa

Ter uma boa ideia de negócio é, sim, um ótimo ponto de partida, mas infelizmente não é o bastante para quem deseja abrir uma empresa.

Antes de tomar a decisão definitiva de ser seu próprio chefe, é importante que o empreendedor leve em consideração diversos aspectos inerentes à abertura do negócio, entendendo todas as minúcias sobre como abrir uma empresa na prática.

Entre os pontos importantes a serem levados em conta nesse momento estão o setor em que a companhia irá atuar, a análise do perfil empreendedor e os custos para se manter um negócio — que vão desde o aluguel ou a compra da sala, passando pelas contas a pagar mensalmente e incluindo aí até os salários dos colaboradores.

Que tal então aprender algumas valiosas dicas para abrir uma empresa sem correr o risco de se arrepender no futuro? Pois confira:

Reflita sobre seu perfil e suas habilidades

O primeiro passo para quem está pensando em como abrir uma empresa é analisar se realmente tem o perfil empreendedor e as habilidades específicas necessários para gerenciar um negócio próprio.

Quem deseja ser empresário deve entender que é preciso ter uma boa identificação com o tipo de empresa que pretende abrir, afinal, principalmente nos primeiros anos de operação, a dedicação à companhia deve ser total.

Outras questões a serem consideradas diz respeito à tolerância ao risco e também à facilidade em se tomar decisões, dois pontos que fazem parte intrínseca da rotina de qualquer empreendedor atuante no mercado.

E então, pronto para encarar?

Considere o aspecto financeiro

Uma das principais dicas para abrir uma empresa bem-sucedida é considerar, com bastante cuidado, o aspecto financeiro.

Não basta apenas ter o investimento inicial em mãos para começar um negócio. Não é tão simples assim e você bem sabe.

É importante conhecer todas as etapas financeiras relativas ao empreendimento para não correr o risco de cometer erros no controle das despesas e das receitas corporativas.

Ao considerar o aspecto financeiro, é possível saber o quanto pode investir e em que áreas da companhia é importante gastar.

Com isso se sabe, consequentemente, quais setores podem esperar mais um pouco mais.

Para evitar ter que adquirir empréstimos, por exemplo, comprometendo receitas ainda só previstas, o ideal é analisar periodicamente o capital de giro disponível. Fique de olho!

Comece investindo pouco

Você pode registrar sua empresa num coworking utilizando os serviços de endereço fiscal, sabia? E quanto custa isso? São apenas R$ 130,00 e você pode dar um endereço de prestígio para sua empresa com este pequeno investimento.

Analise o segmento em geral

Uma das mais importantes dicas para abrir uma empresa é escolher corretamente o setor de atuação da organização.

Nesse momento, o indicado é analisar aspectos regulatórios — passo simplesmente essencial em áreas como alimentação, por exemplo — e se certificar de que tem o perfil ideal para o mercado em que deseja ingressar.

Uma pessoa com perfil mais analítico, por exemplo, pode não se sentir muito à vontade em um mercado extremamente agressivo. E vice-versa.

Treine os funcionários adequadamente

Não são poucas as empresas que não crescem no mercado simplesmente porque não contam com uma mão de obra suficientemente qualificada.

Antes de abrir seu negócio, é preciso reservar um tempo para selecionar o quadro de funcionários e, também, treinar esses colaboradores para que não só assimilem, mas realmente vistam a camisa da missão, do valor e da cultura da companhia, estando aptos a oferecer o melhor atendimento possível para os clientes.

E o que clientes trazem? Lucro!

Procure diminuir gastos desde o princípio

Uma das formas de diminuir consideravelmente os gastos com estrutura física e ter mais recursos para investir no desenvolvimento do negócio, especialmente nesse início, é apostar em um escritório compartilhado ou escritório virtual.

Podendo evitar o compromisso com salgadas prestações de aluguel ou compra de salas e imóveis, por que não aproveitar? E o melhor: sem perder nada em qualidade de infraestrutura. Muito pelo contrário!

Abrir uma empresa é uma decisão super séria. Então encare a empreitada com essa perspectiva. É importante considerar que, como empresário, você será o responsável por fazer a administração das finanças da companhia, por gerir os colaboradores e lidar com toda a sorte de questões operacionais, técnicas, ideológicas e práticas.

Coloque tudo isso no papel antes de se aventurar pelo mundo do empreendedorismo. Só assim você conseguirá ter a mais absoluta certeza de que está indo pelo caminho certo.

Agora comente aqui e nos conte como andam seus planos! Qual das nossas dicas para abrir uma empresa chamou mais sua atenção? Já conhece os benefícios do serviço de escritório compartilhado?

Compartilhe suas impressões e experiências conosco!

Compartilhe :

Fale com um consultor