As vantagens do coworking para grandes empresas

O coworking é um espaço tão democrático para o empreendedorismo, que ele tem sido uma alternativa extremamente vantajosa para as grandes e médias empresas.

Isso mesmo! Engana-se quem pensa que os espaços compartilhados de trabalho são direcionadas apenas para profissionais liberais, startups e pequenos empresários.

Empresas de grande e médio porte também se beneficiam da infraestrutura e oferta de serviços personalizados oferecidos por um coworking.

Detalhe: o número de empresas que permitem que seus funcionários trabalhem remotamente ou com parte da equipe em um coworking está aumentando em todo Brasil.

Mas como isso funciona na prática?

As grandes empresas podem usar o coworking de três formas diferentes.

Quando colocam parte de sua equipe trabalhando e interagindo em um ambiente de coworking.

Seria uma forma de trabalho flexível e híbrida.

O sistema pode ser fixo ou rotativo, permitindo que todos os funcionários possam ter experiências diferenciadas com outros profissionais externos à empresa.

As empresas também podem disponibilizar dentro de sua própria infraestrutura, uma abertura para receber profissionais de diferentes áreas, freelancers e outras empresas.

Por outro lado, a terceirização tem possibilitado que as empresas contratem profissionais liberais que podem trabalhar remotamente.

O coworking aparece como um dos espaços mais procurados para esses profissionais trabalharem.

Por que a tendência coworking é vantajosa para as grandes empresas?

O coworking estimula a inovação

A inovação é o segredo do sucesso das empresas.

Graças ao seu DNA colaborativo, o coworking favorece o compartilhamento de ideias entre os profissionais que lá trabalham.

Profissionais acostumados com o mesmo ambiente, vendo as mesmas pessoas e tendo os mesmos tipos de conversa, tendem a não mudar muito o jeito de pensar.

Ter estímulos externos e interagir com pessoas com experiências diferentes pode ajudá-los a se desafiar.

O jeito de trabalhar está mudando

A tecnologia tem possibilitado que as pessoas trabalhem de qualquer lugar, e não fiquem mais presas ao escritório convencional.

Esse movimento aumenta a produtividade, uma vez que reduz o tempo de deslocamento.

Além, é claro de trazer benefícios financeiros para as empresas, já que elas acabam reduzindo as despesas imobiliárias.

Redução de custos

A redução de gastos pode acontecer de duas maneiras.

A primeira delas é quando determinada empresa permite que seus funcionários trabalhem remotamente.

Por outro lado, quando elas utilizam da infraestrutura de um coworking e migram parte de sua equipe para esses espaços, elas também podem economizar.

Isso tudo porque vão pagar apenas uma mensalidade pelo aluguel das salas.

As empresas acabam atraindo profissionais mais talentosos

A flexibilidade tem sido um dos principais motivadores dos profissionais na hora de aceitar um emprego.

Oferecer aos empregados um espaço criativo e flexível é é extremamente benéfico para a produtividade e o bem-estar.

O coworking está totalmente conectado a essas características.

Localidade e expansão

Para muitas empresas, ter uma filial em algumas cidades e regiões pode não ser uma tarefa fácil.

Para conseguir atender à demanda maior, as empresas precisam agir rápido.

E o coworking para grandes empresas e médias pode ser uma alternativa muito mais vantajosa e prática.



A visão dos consumidores

A empresa pode perceber tendências e preferências dentre seus consumidores ao interagir com outras pessoas.

Permitir o acesso de outros profissionais também aumenta o share of heart da marca, que passa a ser vista de um jeito criativo e inovador por seus consumidores.

Visão de quem faz negócios com a sua empresa

Uma empresa que busca se diferenciar, estando a par do que acontece no mundo e a frente de inovações com certeza consegue uma percepção mais positiva por parte de seus investidores e fornecedores.

Além disso, convidá-los para fazerem parte desse espaço mais criativo e aberto, pode estreitar as relações de negócio.

Os exemplos que deram certo

As grandes empresas têm percebido que não podem mais se fechar em seus grandes escritórios privados.

Pode ser muito mais produtivo compartilhar ideias e conhecimentos com outros profissionais

A Coca-Cola de Atlanta, nos EUA, é exemplo disso.

A unidade incentivou alguns colaboradores a trabalharem em um coworking junto a empreendedores locais.

Já a Sprint, empresa americana de telecomunicações, abriu um ‘escritório’ para interagir com a comunidade da região, por meio do coworking.

Viu só como o coworking é democrático e pode ser extremamente vantajoso para todos os perfis de público?

Na próxima semana, vamos falar da diferença entre dois serviços do coworking: as salas privativas e as salas de reunião.


Compartilhe :

Fale com um consultor