Home office ou escritório virtual: qual a melhor opção?

Home office ou escritório virtual: qual a melhor opção? Essa pergunta é complicada, não é?

Mas vamos te ajudar a esclarecer esses pontos. Vamos juntos! Boa leitura.

A imagem do funcionário tradicional, que bate cartão todos os dias quando entra e quando sai da empresa, em horários rigidamente estabelecidos, está ficando cada vez mais no passado, não é verdade?

Hoje, o expediente ficou muito mais flexível e as atividades podem se ajustar de maneira muito mais inteligente ao dia a dia do profissional.

Constantemente atualizadas, as tecnologias de comunicação têm grande peso para tal mudança.

Pois proporcionam mobilidade ao profissional, que pode escolher se quer se comunicar por meio de um notebook, um tablet ou mesmo por seu smartphone, que conta com todos os recursos multimídia de que precisa.

Nesse novo cenário, alguns modelos de trabalho despontam como alternativas interessantes.

É o caso do home office e do escritório virtual.

Home office

Seguindo a ordem cronológica de surgimento, comecemos pelo home office.

Trabalhar em casa tem muitas vantagens, como a economia de dinheiro e de recursos ambientais que se faz deixando de se locomover indo e voltando de seu local de trabalho.

Isso sem contar o bem-estar que se ganha ao aumentar as refeições feitas em casa e diminuir as horas desperdiçadas no trânsito.

É possível até se imaginar de pantufas nos pés e com as mãos no mouse, não é mesmo?

Só que a realidade não é bem é assim.

Em primeiro lugar, não é tão simples convencer as empresas a aderirem ao modelo de teletrabalho, ou seja, apenas alguns tipos de profissionais conseguiram se livrar do escritório tradicional e se estabelecer dessa forma.

E outra: com o tempo, as desvantagens do home office vão aparecendo e o ambiente doméstico, com suas distrações, não se mostra uma opção tão boa assim.

Além de dificultar a concentração por períodos mais longos, o escritório em casa não é adequado para atender clientes e nem para a realização de trabalhos em equipe.

Uma sala de reuniões adequada faz toda a diferença nesses momentos.

Outra desvantagem é que o profissional tem que bancar com toda a infraestrutura do local, além de não contar com uma equipe de apoio para a manutenção dos equipamentos ou qualquer outra dificuldade corriqueira.

O que pode sobrecarregá-lo tanto do ponto de vista financeiro quanto de tempo.

Escritório virtual

Já o escritório virtual contempla diversas vantagens do home office, como a flexibilidade de trabalho remoto e de local, e vai muito além.

Tendência no mundo todo, o escritório virtual é um modelo que coloca à disposição toda a estrutura de que o profissional precisa, como: endereço fiscal, internet banda larga, mobiliário, sala de reunião, além de uma equipe de atendimento e administrativa, tudo como em um escritório tradicional.

O grande diferencial desse modelo é que todos esses gastos são divididos entre outros profissionais, não pesando muito no bolso de cada um.

Ou seja, o escritório virtual reúne os benefícios tanto do home office como do escritório tradicional.

E as vantagens desse inovador modelo de trabalho não se restringem somente a profissionais liberais e trabalhadores freelancer, viu?

Empresas que possuem necessidades específicas, como prospectar em um novo mercado ou realizar trabalhos temporários, também se beneficiam das facilidades dessa tendência.

Já que são atividades que não justificam a montagem de uma nova sede, mas requerem a estrutura adequada para completar sua missão.

E é por todos esses motivos e muito mais que o escritório virtual é tido como uma evolução dos modelos de trabalho.

E você, já parou para pensar em contratar esse serviço?

Qual das vantagens proporcionadas pelo escritório virtual chamou mais sua atenção? Compartilhe suas impressões conosco!

Compartilhe :

Fale com um consultor