O trabalho não rende? Entenda os motivos da baixa produtividade

Um dos maiores problemas que as empresas enfrentam é a baixa produtividade no trabalho. E você sabe os motivos da baixa produtividade?

Os motivos são diversos, variam entre uma gestão ineficiente até o excesso de atividades a desempenhar.

O fato é que a empresa com baixa produtividade certamente perde chances de crescimento, desenvolvimento e sucesso.

No post de hoje vamos falar um pouco sobre os motivos da baixa produtividade e como ela afeta no desempenho da empresa.

Faça uma avaliação prévia

Antes de tentar solucionar o problema da baixa produtividade, é preciso entender o que a está causando.

Para isso, faça uma avaliação dentro da empresa para ter um diagnóstico dos reais motivos da baixa produtividade.

Existem cinco perguntas básicas que podem ser feitas:

  • A baixa produtividade é algo constante ou foi demonstrada agora?
  • Todo o ramo a que esse profissional faz parte apresentou também um desempenho ruim?
  • Esse funcionário possui líderes antenados?
  • Quantas horas semanais esse funcionário está trabalhando?
  • Há alguma ferramenta que está “roubando” esse tempo, como o WhatsApp ou Facebook?

Pensando nesse cenário como um todo, fica mais simples avaliar a situação do colaborador e os reais motivos que podem estar levando-o à baixa produtividade.

O profissional atua na área correta?

Contratar uma pessoa com habilidades totalmente distintas do cargo requerido pode ser uma das causas da baixa produtividade.

A pessoa pode ter um potencial incrível e uma força de vontade enorme, mas não saberá exercer algo que não está apta a exercer.

O cansaço pode levar à baixa produtividade

Corpo cansado e mente cansada são sinônimos de baixa produtividade. O corpo merece e precisa de descanso.

O trabalho excessivo impede que o colaborador produza bem.

Escassez de treinamentos desmotiva o funcionário

Propor treinamentos aos funcionários é de total responsabilidade do chefe da empresa.

É claro que cada pessoa contratada já vem com uma bagagem de conhecimento próprio, mas, as estratégias da empresa e as ferramentas que a empresa utiliza ainda não são dominadas pelo novo funcionário.

Muitos funcionários não executam as tarefas devidamente justamente pela falta de conhecimento que possuem.

Desgaste físico e emocional está relacionando com a baixa produtividade

O desgaste físico e emocional pode ocorrer por vários motivos.

Às vezes, problemas pessoais estão impedindo que o funcionário produza de uma maneira melhor.

Em outras vezes, o funcionário está tão focado em executar suas tarefas que acaba se desgastando.

Motivos pessoais podem levar à baixa produtividade

Um funcionário insatisfeito com a vida profissional e sem perspectivas de crescimento naturalmente produzirá pouco. 

Além do mais, problemas familiares, financeiros e rotineiros podem não estar relacionados diretamente com a empresa, mas causarão impactos no dia a dia do trabalhador.

A empresa deve se atentar ao funcionário e dirigir-se a ele de forma humanizada. 

Vale ressaltar que toda empresa já passou ou ainda passa por este problema. Isso é extremamente comum.

Existem ciclos naturais de concentração e não devem-se procurar culpados. Liderar uma equipe pede atenção e muita conversa.

É preciso entender o que acontece dentro da empresa e como cada funcionário se sente executando cada atividade. O importante é avaliar a situação para que uma solução seja dada imediatamente.

Quer saber mais sobre aumento da produtividade? Leia agora nosso artigo com sete passos para aumentar a produtividade no trabalho.

Compartilhe :

Fale com um consultor