Confira tudo que é preciso para começar a trabalhar remotamente

Trabalhar remotamente já é uma realidade de muitos trabalhadores brasileiros, sejam eles formais ou informais. De fato, o Brasil é um dos países que mais criam novos postos de trabalho nessa modalidade.

De acordo com a empresa de recrutamento Robert Half, o país aparece na terceira colocação no ranking dos que mais empregam trabalhadores em home offices. Mas, afinal, o que é preciso para trabalhar remotamente no Brasil?

Com o intuito de falar mais sobre esse assunto, explicamos quais são os requisitos que os candidatos a essas vagas precisam ter para encarar esse desafio. Mostramos, também, quais devem ser as virtudes do empreendedor digital. Veja!

Trabalhar remotamente para empresas ou ser autônomo?

Antes de qualquer coisa, tenha em mente que a internet abre duas possibilidades de trabalho remoto. Uma delas é a contratação por empresas e a outra é o oferecimento de serviços como freelancer.

E, dentro de cada uma dessas possibilidades, temos uma imensa variedade de cargos e atividades.

Por isso, o primeiro desafio para quem quer trabalhar remotamente é encontrar uma área de atuação. A seguir, listamos algumas ideias que podem servir de bússola para sua escolha.

Vagas para trabalhar remotamente em empresas

Entre os cargos mais disponibilizados pelas empresas brasileiras, podemos mencionar o de teleoperador, de contador e os de assistência jurídica.

O trabalho remoto em TI também é bastante requisitado. Já as empresas que costumam abrir postos de trabalho em home office no Brasil são as seguintes:

  • Gol;
  • Locaweb;
  • Home Agent;
  • PartnerHero.

Trabalhando remotamente como autônomo

Para quem deseja atuar como autônomo em home office, é possível tanto atuar como profissional liberal, quanto atuar com vendas de produtos e serviços.

Entre os profissionais liberais que podem utilizar a tecnologia para desenvolver seus trabalhos, temos os médicos, psicólogos, administradores, nutricionistas, consultores, desenvolvedores, personal trainers e muitos outros.

Quanto às vendas, é possível montar um e-commerce, criar uma estrutura de vendas de infoprodutos ou trabalhar com dropshipping.

Já o oferecimento de serviços como freelancer pode ser feito por meio de plataformas específicas, como a 99Freelas e a VinteConto.

As exigências do trabalho remoto

Agora que você já sabe quais as atividades que poderá desempenhar, podemos falar sobre as competências e habilidades necessárias a quem deseja se dar no trabalho remoto em home office. Veja abaixo!

Gosto pela tecnologia

Antes de qualquer coisa, você precisa gostar de tecnologia, estando a par das novas soluções que podem otimizar o seu trabalho.

Para isso, é fundamental sempre acompanhar as novidades e tendências relacionadas ao assunto, tais como a utilização da cloud computing e o uso de bots e outras ferramentas de automação.

Fazer investimentos

Se você deseja ter sucesso no trabalho em home office, saiba que precisará investir em ferramentas digitais, anúncios e outros serviços, a depender da sua atividade.

Somente para exemplificar, um investimento que é fundamental tanto para freelancers, quanto para profissionais liberais e afiliados é o realizado em serviços de hospedagem de sites e registros de domínios próprios.

Outro serviço de fundamental importância é o escritório virtual, onde você terá sua empresa registrada num endereço de prestígio, se beneficiará de recursos como gestão de recados e correspondências, por exemplo.


Qualificação

Um dos maiores atrativos do trabalho em home office é o fato de ele não necessitar de qualificação (no caso dos autônomos).

De fato, qualquer pessoa, independentemente do grau de escolarização pode trabalhar pela internet.

Contudo, ter conhecimentos em informática e tecnologia é fundamental. Ademais, o home office exige algumas mudanças de comportamento em relação ao trabalho.

No tópico a seguir, falamos um pouco mais sobre essas mudanças. Confira!

Perfil comportamental necessário ao trabalho remoto

Ter disciplina

“Antes de mais nada, o trabalho em home office exige que se tenha disciplina. Por isso, é fundamental ter compromisso com horários e metas, além de não ceder às inúmeras distrações que podem existir dentro de casa.”

Ser organizado

Em qualquer contexto, a bagunça pode prejudicar a produtividade. Essa regra também pode ser aplicada no caso do home office. Então, é importante não descuidar desse ponto e manter o escritório sempre organizado.

A organização também diz respeito à observação dos prazos a serem cumpridos e ao estabelecimento e cumprimento de metas.

Ter motivação

Sentir-se motivado também é muito importante para quem atua em home office. Para que você possa acordar disposto ao trabalho se concentre nas metas diárias e acompanhe o progresso do seu negócio ou atividade.

Ademais, pense sempre que esse é o trabalho que você escolheu e no quanto você pode se considerar privilegiado por poder trabalhar no conforto da sua casa.

Ter foco

Sem foco, não há como ter uma rotina produtiva em home office. De fato, ao trabalhar em casa, estamos rodeados de distrações quase irresistíveis.

Mas é importante não ceder a elas. Para que isso seja possível, é imprescindível ter um local de uso exclusivo para o trabalho. Veja mais sobre como escolher um bom local para trabalhar remotamente no tópico seguinte!

Lugares para quem deseja trabalhar remotamente com produtividade

Como já mencionamos, é necessário escolher um local tranquilo para desempenhar o trabalho remoto com qualidade.

O ideal é que esse local seja livre de distrações, sendo também um espaço mais reservado e silencioso. O home office também deve ser bem iluminado e ventilado.

Ademais, é importante ter uma mesa com espaço suficiente para tudo que se precisa durante o expediente e uma cadeira confortável. Não é recomendado utilizar o próprio quarto como home office ou trabalhar no sofá.

Um escritório pode ser montado em um compartimento desocupado, contanto que tenha espaço suficiente para o trabalho.

É possível optar, também, pelo trabalho em um coworking. Mas, afinal, como funciona um coworking?

Trata-se de um local de trabalho compartilhado, que dispõe de uma estrutura de trabalho de escritório para profissionais que atuam remotamente. Aliás, há muitas vantagens em se optar por esses locais.

Uma das vantagens de se optar por esse tipo de local para trabalhar é o fato de se poder criar uma rotina laboral. Afinal, você terá que vestir uma roupa mais adequada e se deslocar até o coworking.

Esses lugares são também espaços de trocas de experiências, em que os profissionais podem oferecer seus serviços e criar um networking.

Trabalho remoto: começando uma nova rotina

Assim, podemos concluir que trabalhar em home office pode ser realmente recompensador, haja vista que se trata de um modelo de trabalho mais flexível, em que é possível trabalhar sem sair do conforto de casa.

Por outro lado, trabalhar remotamente também significa redobrar a atenção com os horários e metas, pois não se tem uma cobrança direta de chefias.

Então, se você quer começar uma nova rotina em home office, seja disciplinado e focado!

Mas, se de fato, em seu teletrabalho, você tiver dificuldades no que tange a infraestrutura, disciplina e demais questões que lhe não lhe permita produzir, sua solução pode estar num coworking, heim? Já pensou?

Compartilhe :

Fale com um consultor