Quais os custos para começar um negócio?

Iniciar um negócio é um processo empolgante, mas que vem acompanhado de diversos custos, investimentos e despesas associados ao lançamento e manutenção de uma nova empresa.

Vamos te ajudar a entender e pontuar esses gastos, para que seu projeto empreendedor seja ainda melhor! 🙂

Venha com a gente!

1. Entendendo os Custos Iniciais

Pesquisa de Mercado e Plano de Negócios

Fazer uma pesquisa de mercado é crucial antes de iniciar qualquer processo, com ela você consegue entender seu público-alvo, concorrentes e potencial de mercado.

Essa pesquisa não precisa necessariamente de um investimento monetário, podendo ser feita em sites e plataformas gratuitas, mas também é possível optar fazer com um profissional ou serviço de consultoria personalizado.

Custos Legais e Administrativos

Registrar seu negócio é um passo fundamental, talvez o principal na abertura de um negócio.

Esses custos incluem as taxas de registro, possíveis honorários de advogados e custos para obtenção de licenças e permissões necessárias.

Eles vão variar de acordo com a região e o tipo de negócio.

Tecnologia e Infraestrutura

Hoje em dia, na maioria dos negócios é necessária uma infraestrutura básica, que pode variar de apenas computadores até softwares e reformas em um espaço físico.

A tecnologia é crucial, seja para o bom funcionamento da sua empresa ou para a facilidade do usuário com seu produto/ serviço, especialmente se seu negócio for digital.



2. Custos de Operação Recorrentes do seu Negócio

Aluguel e Utilidades

Se o seu negócio requer um espaço físico, o aluguel será um dos seus maiores custos fixos.

Além dos gastos adicionais que um lugar físico traz, como energia elétrica, água, internet e as pequenas manutenções que seu espaço pode precisar eventualmente.

Sem contar a limpeza, gestão do espaço, segurança e despesas acessórias.

Folha de Pagamento

Os salários dos empregados são outro grande componente dos custos operacionais.

Isso inclui não apenas o salário, mas também benefícios, encargos sociais e seguros.

Esse valor vai variar de acordo com quantos e quais profissionais você precisar. 

Marketing e Publicidade

Investir em marketing é essencial para atrair e manter clientes. Os custos aqui podem variar muito, dependendo da estratégia escolhida.

Pode-se optar por métodos tradicionais como outdoors e anúncios impressos ou digitais, porém, muitas empresas hoje em dia optam por contratar profissionais ou consultorias especializados em marketing.

Matéria-Prima e Estoque

Para negócios que vendem produtos físicos, o custo das matérias-primas e a gestão de estoque são custos variáveis significativos que dependem do volume de produção e vendas.

Pode ser necessária uma pesquisa constante para ter certeza que esta fazendo as melhores escolhas de compra.

3. Estratégias para Reduzir Custos Iniciais

Bootstrapping

Esta técnica envolve iniciar o negócio com o mínimo de capital externo possível, reinvestindo os lucros para crescer. É uma ótima maneira de manter o controle e reduzir dívidas.

Tecnologia e Automação

Utilizar softwares que automatizam processos pode reduzir a necessidade de contratação de novos funcionários e, consequentemente, custos operacionais.

Coworking Spaces

Para economizar com aluguéis e custos associados a espaços físicos, muitos empreendedores optam por espaços de coworking.

Conclusão

Planejar de forma cuidadosa e estratégica pode ser muito bom para seu bolso, principalmente a longo prazo, aumentando muito as chances de sucesso!

Os serviços do Coworking podem ser grandes aliados do seu negócio.

Agora que você já sabe sobre os custos do empreendedorismo, te faço um convite para visitar nosso espaço de coworking, onde além de reduzir o custo do seu novo negócio, você vai estar abrindo portas para novas parcerias e clientes!



Compartilhe :

Sobre o autor:

Fale com um consultor

[form_rd_station_poupup]