É possível uma empresa “sobreviver” apenas com trabalho remoto?

Em meio a pandemia que estamos vivendo atualmente, muitas empresas não tiveram outra alternativa a não ser recorrer ao trabalho remoto, algo que até bem pouco tempo não era considerado como uma opção, agora tem se tornado uma necessidade.

Aliás, pesquisas já apontam que trabalhar remotamente é uma tendência a ser seguida em um curto período de tempo por boa parte das empresas, nos Estados Unidos essa nova forma de trabalha já estava em grande expansão e com a pandemia só se intensifica.

Todavia, um dos grandes questionamentos que existem a respeito desse tipo de trabalho do futuro é se as empresas conseguem permanecer competitivas e fortes no mercado apenas utilizando as metodologias de trabalho remoto.

Diante desses constantes questionamentos, resolvemos abordar o tema mais claramente de forma a leva-los as suas próprias considerações a respeito do home office.

Entenda os prós e contra do trabalho remoto

Quando falamos de trabalho remoto precisamos primeiro entender o que está em jogo e, não é apenas a sustentabilidade da empresa, porque isso é bem possível, diante dos inúmeros recursos tecnológicos que contamos.

Mas temos que analisar, principalmente, a concepção de trabalho, produtividade, comunicação e relacionamentos, é nesse aspecto que as pessoas se dividem em polos opostos.

Enquanto alguns defendem que o home office se torna mais produtivo e reduz gastos e energia no que se refere a deslocamento diário, aumento de tempo e produtividade da família, proporcionando um maior equilíbrio entre vida profissional e familiar.

Há aqueles indivíduos que se mostra mais céticos a respeito da metodologia de trabalho remoto, pois essa estratégia faz com que as pessoas se distanciem, perda a interação social, a comunicação fica comprometida e os profissionais menos produtivos.

Essa dicotomia de posições, passam mensagens confusas quando encaramos o trabalho do futuro (“Home office: Seria esse o modelo de trabalho do futuro?”), no entanto, os argumentos contrários mostram-se possíveis de serem desconstruídos.

Pode ser que haja colaboradores que apresentem maior dificuldade de adaptação ao modelo de trabalho remoto, porque ainda é uma concepção nova para a maioria das pessoas, no entanto, a produtividade e a internacionalidade não deixariam de existir com um bom planejamento.

Desafios do home office

Desafios do home office
Desafios do home office

É possível que o home office dificulte a vida de muitos profissionais que tem barreias para manter o foco, a motivação e a concentração em casa, portanto, eles devem repensar suas ações e prioridades.

Contudo, esses aspectos tem a ver com o profissional e não com o funcionamento de uma empresa que, como já mencionado, pode se sustentar com o trabalho remoto e ainda obter melhores resultados, encontra melhores profissionais e fazer economias nesse processo.

Tudo isso graças as tecnologias disponíveis em razão de servidores na nuvem e conexão com a internet de diversos dispositivos.

Não obstante, vale ressaltar que, mesmo com o trabalho remoto como um modelo de trabalho sustentável, o ideal é que a equipe se encontre com certa periodicidade – pelo menos os gestores – fisicamente, para discutir relatórios, traçar planos, etc.

Isso é importante para motivar e aumentar a produtividade, além do mais sempre que for necessário, mesmo que trabalhando remotamente deve se reunir com os clientes presencialmente.

Uma solução para esses eventos acaba sendo o espaço coworking para a realização de reuniões, que fomenta a interação cara a cara com clientes e colaboradores.

Mas em outros casos, quando inviável o aluguel de salas privativas em ambiente de coworking é possível pensar em fazer chamadas de voz e vídeo em seu próprio home office para manter contato com a equipe e trocar informações sobre os projetos da empresa.

Disciplina digital

Provavelmente um dos principais desafios do home office não é apenas a concentração e o foco nas metas, objetivos e prazos dos projetos da empresa, mas manter uma disciplina digital.

Muitas vezes, em ambientes corporativos, os funcionários precisam desligar seus celulares e limitam seus acessos apenas ao que concerne a interações profissionais, a metodologia de trabalho remoto pode fazer com que os funcionários não tenham uma disciplina digital.

A falta de disciplina digital pode fazer com o que colaborador seja menos produtivo e perda prazos, portanto, é preciso observar esse aspecto e criar, mesmo em home office, uma rotina de trabalho, se afastar das redes e focar no trabalho.

A preparação para o trabalho remoto

A preparação para o trabalho remoto
A preparação para o trabalho remoto

Além dos desafios do trabalho remoto que elencamos e que se referem ao profissional, já que ele é a figura e peça fundamental para que a empresa sobreviva apenas com o trabalho remoto.

Temos ainda aspectos que precisam ser levados em consideração para que a empresa consiga se manter apenas com trabalho remoto: a preparação para a metodologia de trabalho remoto.

É impossível que uma empresa sobreviva ao trabalho do futuro se ela não estiver preparada e não oferecer os recursos e ferramentas necessárias para que os colaboradores “toquem” a empresa e as atividades profissionais para frente, como se estivessem no escritório.

Portanto, é totalmente possível que a empresa sobreviva ao trabalho remoto, mas ela deve apresentar algumas características para tornar o home office possível e produtivo:

Investir em tecnologia

O que possibilita o trabalho remoto é as tecnologias, certo?

Portanto, para uma empresa que objetiva funcionar e se sustentar remotamente, isto é, adotando os profissionais em regime home office, é preciso oferecer as ferramentas necessárias para o time de profissionais.

Desse modo, o primeiro passo é investir em uma plataforma de gestão na nuvem, pois assim o time de colaboradores poderá acessar essa plataforma de qualquer lugar e qualquer dispositivo.

Outro ponto que exige atenção é buscar solução de armazenamento em nuvem, também, pois isso facilita para que todos os documentos que seu time possa precisar fiquem acessíveis para eles em home office.

É necessário pensar também em ferramentas que permitam o desenvolvimento de projetos e ideias em equipe de forma colaborativa e online, aplicativos para videoconferência e servidores de e-mails consistentes.

Os escritórios virtuais também são grandes aliados para ajudar na organização, apoio de infraestrutura e estratégia de negócios.

Suporte de qualidade

Imprevistos acontecem: se a internet falhar, ocorrer alguma falha no sistema?

Nesse ponto é preciso que sua empresa conte com uma equipe de suporte de qualidade capaz de solucionar os problemas de forma rápida e não deixar que as falhas prejudiquem o andamento do trabalho.

Diante do exposto, você deve ter percebido que trabalho remoto esta aí e é uma realidade cada vez mais consistente, não é à toa que é considerado o trabalho do futuro.

Portanto, é possível uma empresa bem preparada sobreviver apenas com trabalho remoto e obter grandes resultados.

Compartilhe :

Fale com um consultor